Nossa Comunidade

Pesquisar em nosso portal

Carregando...

Nossas notícias

Espaço Cultural A Era do Rádio, em Sepetiba, oferece oficinas gratuitas de modelo e manequim para jovens da região


Roberta Deodoro na passarela: fotos para um estúdio
As aulas acontecem com base nos desfiles. Enquanto estão na passarela — um tapete vermelho, posicionado na calçada, na porta do Espaço Cultural A Era do Rádio, em Sepetiba —, os jovens da oficina de Manequim e Modelo Fotográfico dão os primeiros passos para o futuro.
— Estar em contato com um fotógrafo profissional, hoje, está sendo muito bom para eles — diz Emanuelle Borba, sobrinha-neta de Emilinha, grande rainha do rádio.
Idealizadora do centro cultural, na Praia do Recôncavo, Emanuelle referia-se às fotos que ilustram a reportagem:
— Mesmo que eles não se tornem modelos profissionais, com certeza, vão se tornar pessoas melhores. Esse é nosso principal objetivo — destaca.
Uma das que aproveitaram a oportunidade foi Louisi Amanda, de 17 anos, que vem de Nova Iguaçu para assistir às aulas:
— Foi legal esse contato. O fotógrafo me disse que eu tenho que "paquerar" a lente da máquina.
Louisi sonha ser modelo. E atesta que as aulas na oficina contribuíram para sua autoestima, fato exposto também pelo aluno Wilian Alves, de 14 anos:
— Desde pequeno, me interesso pela moda. Antes, não olhava no espelho. Agora, gosto de mim.

Estreia nas passarelas a caminho
Quem já sentiu o gostinho de ser modelo é Roberta Deodoro, de 16 anos. Enquanto estava em Campo Grande para uma consulta médica, a estudante foi abordada por "olheira" — como é conhecido, no jargão da moda, o profissional especializado em descobrir talentos:
— Uma mulher me abordou, perguntando se eu gostaria da fazer fotos para um estúdio fotográfico que estava sendo inaugurado no bairro. Minhas fotos vão ilustrar a loja, e vou ganhar um book deles. Na hora, eu pensei que as coisas estavam começando a andar.
A oficina de teatro, aos sábados, das 10h às 12h, tem 15 alunos, que formaram a Companhia Espaço Cultural A Era do Rádio (Ecer). A partir de um levantamento histórico de Sepetiba, o grupo está montando uma peça, ainda sem data para estrear.
— Estamos ensaiando e construindo o texto, valorizando a improvisação dos alunos. Eles mesmos estão dando ideias para formarmos a peça, que será a nossa primeira. Eles relutaram no início, mas, agora, estão animados — diz a professora de teatro Patrícia Giuntini.
A partir de amanhã, testes vocacionais
Outra atividade oferecida pelo Espaço Cultural A Era do Rádio é oficina de dança contemporânea, a cargo do professor Marcelo Lopes, que trabalhou com a coreógrafa Deborah Colker. As aulas, que tiveram início no mês de outubro, ocorrem às segundas-feiras, de 18h às 19h.
— É um processo lento, de disciplina. Mas já deu para perceber a energia e também o talento dos jovens, que só precisam de algum empenho — assinala Marcelo Lopes.
Tímida, de pouco falar, Mariana Sabinno, de 14 anos, já sente os benefícios das oficinas. Ela frequenta as de manequim e modelo fotográfico e a de dança contemporânea:
— Passei a dançar e a desfilar e, hoje, eu me sinto melhor comigo mesma, muito mais extrovertida.
A partir de amanhã, e durante todo o mês de fevereiro, terão incío as palestras voltadas para o mercado de trabalho. Em seguida, os jovens farão testes vocacionais. Para inscrições, contato pelo telefone: 3158-0709.

Fonte: Jornal Extra

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.

Lomadee, uma nova espécie na web. A maior plataforma de afiliados da América Latina.

Bate papo "Tudo de Bom"