Nossa Comunidade

Pesquisar em nosso portal

Carregando...

Nossas notícias

Deputado Alessandro Molon diz que vídeo da Favela do Rola será levado à Comissão de Segurança: ‘Aberração’

“Aberração”. Foi essa a palavra usada pelo deputado federal Alessandro Molon (PT-RJ) ao assistir o vídeo em que policiais civis forjam um auto de resistência na Favela do Rola, em Santa Cruz. O parlamentar afirmou que levará o caso até a Comissão de Segurança Pública da Câmara, da qual é vice-presidente.
- É importante analisar que ações tomar para evitar ou dificultar que isso continue acontecendo no Rio ou no resto todo do país - disse Molon, acrescentando: - Fica claro que o local do crime é todo desfeito, impedindo uma perícia adequada. Não há nenhuma justificativa para aquele ato. Isso é uma aberração.
Além de trazer o tema à tona na Comissão, o deputado federal prometeu remeter o vídeo ao promotor responsável pelo processo. Todas as cinco mortes na data em questão, 16 de agosto de 2012, foram registradas como autos de resistência.
- Não sabemos se essas imagens já fazem parte do inquérito, mas elas precisam ser anexadas e analisadas. É importante até para o promotor decidir pelo que serão denunciados os envolvidos neste crime.
Molon também comentou o uso de câmeras durante operações policiais:
- É essencial que sejam obrigatórias e controladas. Só filmar não basta - afirmou o deputado, prometendo medidas para regulamentar esta questão: - Vou apresentar um projeto de lei para que, em toda operação policial, pelo menos um membro da equipe tenha uma câmera acoplada em seu uniforme e que seja obrigatória a anexação das imagens ao inquérito toda vez que houver lesão corporal ou óbito. É a partir das imagens que o delegado e o promotor vão poder formar convicção para o inquérito. Isso aumenta o controle e aumenta a legalidade das ações policiais, produzindo provas que condenem os que praticaram crimes, mas também para inocentar quem não os comete. É ruim para os maus policiais, bom para os bons policiais. Nos Estados Unidos, em uma série de estados, isso já é obrigatório, para servir de defesa aos bons policiais e, por outro, para punir os maus policiais. No Brasil, na Lei Seca, a operação já é toda filmada, para poder filmar os desacatos e evitar ainda que algum agente se beneficie de alguma propina.

Fonte: Jornal Extra

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.

Lomadee, uma nova espécie na web. A maior plataforma de afiliados da América Latina.

Bate papo "Tudo de Bom"